10:37 22 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Treinamento para os Jogos Paralímpicos na Rio 2016

    Rússia tem três semanas para recorrer da suspensão decretada pelo Comitê Paralímpico

    Tomaz Silva/Agência Brasil/Fotos Públicas
    Mundo
    URL curta
    Olimpíada no Brasil sem atletas russos? (31)
    318413

    A Rússia poderá recorrer até o dia 28 de agosto da suspensão decretada neste domingo, 7, pelo Comitê Paralímpico Internacional. O país terá de provar aos membros deste órgão que, ao contrário das acusações e provas apresentadas contra o Comitê Paralímpico Russo, seus atletas não fizeram uso de doping em competições anteriores.

    Com a decisão anunciada neste domingo e que tem efeitos imediatos, a delegação russa está, automaticamente, impedida de participar dos Jogos Paralímpicos do Rio que serão realizados entre os dias 7 e 18 de setembro.

    Segundo o Comitê Paralímpico Internacional, o Comitê Paralímpico Russo não demonstrou condições de cumprir suas obrigações com o Código Anti-Doping do Comitê Paralímpico Internacional assim como com a WADA, a Agência Mundial Antidoping.

    A decisão de suspender a Rússia foi tomada pela unanimidade dos membros do Comitê Paralímpico Internacional. O Presidente do órgão, Sir Philip Craven, lamentou a decisão mas reiterou que, em nome do esporte mundial, o Comitê precisa dar cumprimento imediato à medida.

    Tema:
    Olimpíada no Brasil sem atletas russos? (31)

    Mais:

    Atleta brasileiro de futebol paralímpico se solidariza com colegas russos
    Comitê Paraolímpico russo diz que iniciativa de suspender Rússia dos jogos é politizada
    Tags:
    recorrer, suspensão, proibição, doping, Jogos Paralímpicos, Rio 2016, Comitê Paralímpico Russo, Comitê Paralímpico Internacional, Comitê Paraolímpico Internacional, WADA, Agência Mundial Antidoping, Philip Craven, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik