19:58 24 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Guarda costeira japonesa usa canhões de agua na disputa territorial de Senkaku

    Japão protesta contra navios chineses perto das suas águas territoriais

    © AFP 2017/ YOMIURI SHIMBUN
    Mundo
    URL curta
    6154539

    O Japão protesta contra ações da China em conexão com o aparecimento de três navios seus na zona contígua às águas territoriais japonesas perto das ilhas de Senkaku, informa a agência de notícias Kyodo.

    O vice-ministro das Relações Exteriores do Japão Shinsuke Sugiyama convocou na sexta-feira o embaixador chinês e manifestou seu protesto em relação à passagem de três navios da guarda costeira chinesa pela zona contígua — fora das águas territoriais – às disputadas ilhas de Senkaku (o nome chinês delas é Diaoyu). Os navios estiveram na área durante três dias.

    As ilhas de Senkaku (Diaoyu) são objeto de uma disputa territorial entre a China e o Japão. O Japão sustenta que ocupa a ilha desde 1895, Pequim nota que mapas japoneses de 1783 e 1785 marcam as ilhas como território chinês.

    Depois da Segunda Guerra Mundial, as ilhas ficaram sob controle dos EUA e foram transferidos para o Japão em 1972. Taiwan e a China continental acreditam que o Japão ocupa as ilhas ilegalmente. O Japão considera que a China e Taiwan começaram suas reivindicações das ilhas nos anos de 1970, quando se tornou claro que sua área era rica de recursos fósseis.

    Mais:

    Japão nega uso de radares ativos contra caças chineses sobre mar da China Oriental
    Pequim perplexo com declaração de Tóquio sobre navio chinês
    Aparecimento de navios de guerra russos e chinês perto das ilhas disputadas é coincidência
    Tags:
    águas territoriais, disputa territorial, Ilhas Senkaku, China, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik