14:50 11 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 12
    Nos siga no

    O Tribunal Constitucional espanhol suspendeu nesta segunda-feira a decisão do Parlamento da Catalunha que apoiava o seguimento do processo secessionista da região, advertindo as autoridades regionais sobre possíveis punições caso não respeitem as resoluções.

    A decisão unânime dos 11 magistrados que integram a corte tem como base um recurso apresentado pelo governo que considera esse apoio parlamentar uma violação de uma sentença prévia da mesma corte. A mera admissão do recurso supõe a suspensão da decisão da Câmara catalã, dando um prazo de cinco meses para que os juízes discutam a questão e ratifiquem ou não a anulação.

    O Executivo espanhol também pediu ao Tribunal Constitucional que investigue se a presidente do Parlamento catalão, Carme Forcadell, cometeu um delito quando permitiu a votação da resolução de apoio ao processo secessionista.

    Mais:

    Catalunha submete primeira lei de ruptura com a Espanha
    Novo presidente da Catalunha promete separar região da Espanha em 18 meses
    Espanha suspende independência da Catalunha
    Divórcio confirmado: Catalunha começa 'desconexão' da Espanha
    Tags:
    secessão, Carme Forcadell, Espanha, Catalunha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar