06:22 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Praga, capital da República Tcheca

    Líder tcheco: cidadãos têm direito a se armarem para se sentirem mais seguros

    © Sputnik/ Natalia Seliverstova
    Mundo
    URL curta
    0 82

    Milos Zeman, presidente tcheco, declarou no domingo (31) em uma entrevista à revista tcheca Blesk que, por causa do aumento de ameaças terroristas, os cidadãos têm que ter mais possibilidades de comprar armas.

    "Antes eu era contra a posse de armas [pela população] em grande quantidade", disse Zeman. "Mas depois daqueles ataques [terroristas] eu já não penso assim", acrescentou ele, se referindo aos recentes atentados terroristas contra civis em várias cidades europeias.

    De acordo com Zeman, as pessoas que tenham permissão de portar arma, tem que se acostumar ao fato do que já não vão guardá-la no armário de casa como uma lembrança, mas devem estar prontos para usar essa arma em caso de necessidade.

    "Temos pessoas que têm arma legítimas, mas estas foram obrigados a passar exames muito rigorosos", afirmou o presidente tcheco.

    Mais:

    Merkel admite que Daesh pode se aproveitar do fluxo de refugiados para a Europa
    Derrotas militares no Oriente Médio obrigam Daesh a se focar na Europa
    Daesh planeja ataques com armas químicas por toda Europa
    Tags:
    segurança nacional, armas, ameaça terrorista, Europa, República Tcheca
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik