18:30 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0224
    Nos siga no

    A Rússia e a China realizarão exercícios navais conjuntos no disputado Mar do Sul da China.

    A declaração foi feita na quinta-feira pelo porta-voz do Ministério de Defesa da China, Yang Yujun.

    "Baseando no consenso alcançado pelas partes, as marinhas da China e da Rússia realizarão os exercícios navais conjuntos Cooperação Marítima 2016 no Mar do Sul da China em setembro", disse Yang durante um briefing, indicando que o treinamento não está dirigido contra países terceiros.

    Segundo ele, os exercícios Cooperação Marítima 2016 são exercícios militares comuns dos dois países que têm por objetivo fortalecer a parceria estratégica e a capacidade de resposta conjunta a ameaças marítimas.

    O Mar do Sul da China é uma via naval de elevada importância por onde circulam cerca de 5 trilhões de dólares em comércio anual. A região é contestada pela China e países vizinhos — Taiwan, Vietnã, Filipinas, Malásia e Brunei.

    Antes a Corte Internacional de Arbitragem de Haia havia rejeitado as reclamações territoriais da China nas águas do Mar do Sul da China, decisão que a China considera ilegal e inválida.

    Mais:

    Índia nem sequer discute patrulhamento conjunto com EUA no Mar do Sul da China
    ASEAN apela à contenção nas disputas no mar do Sul da China
    Tags:
    Rússia, China, Taiwan, Filipinas, Vietnã, Malásia, Mar do Sul da China, Brunei, Yang Yujun, Tribunal de Haia, Sea Cooperation, exercícios navais, reclamação, disputa marítima, ameaças
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar