00:18 10 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Republican US presidential candidate Donald Trump speaks during a news conference at his Trump National Golf Club in Jupiter, Florida, March 8, 2016.

    Trump espera que a Rússia 'encontre' os e-mails deletados de Hillary Clinton

    © REUTERS / Joe Skipper
    Mundo
    URL curta
    0 91
    Nos siga no

    O candidato à presidência pelo Partido Republicano, Donald Trump, disse esperar que a Rússia "encontre" os 30 mil e-mails, deletados pela ex-secretária de Estado dos EUA e candidata à presidência pelo Partido Democrata, Hillary Clinton.

    "Se foi a Rússia, o que pode não ser, eu espero que vocês (Rússia) consigam encontrar os 30 mil e-mails deletados. Acho que vocês serão glorificados por nossa imprensa", disse Trump em uma coletiva de imprensa na Flórida, transmitida ao vivo por emissoras norte-americanas.

    Assim o político comentou as acusações de que a Rússia estaria relacionada ao vazamento de correspondência interna das lideranças do Partido Democrata.

    Trump também estava se referindo ao escândalo, envolvendo Hillary Clinton. A democrata, quando ocupava o cargo de secretária de Estado, utilizou um servidor pessoal para armazenar correspondência eletrônica. Clinton encaminhou essas mensagens ao FBI, mas antes disso, cerca de 30 mil mensagens foram deletadas por possuírem um caráter profundamente pessoal, segundo própria Hillary. 

    Trump também declarou que, independente de quem tenha sido o responsável pelo ataque de hackers, que resultou em grande escândalo para os democratas, a ação foi um ato de desrespeito aos EUA. 

    Além disso, Trump considerou as acusações contra a Rússia, feitas pelo Partido Democrata, de pouco fundamentadas. O representantes dos democratas sugeriram que a Rússia teria realizado o ataque com intuito de ajudar Trump.

    Mais:

    Assange nega envolvimento da Rússia em vazamento de documentos do Partido Democrata
    Embaixada russa: acusações do Partido Democrata são 'infundadas e inapropriadas'
    Kremlin: Paranoia com a Rússia é 'passatempo tradicional' nos EUA
    Casa Branca considera sanções contra culpado por vazamento de e-mails do Partido Democrata
    Aliados de Sanders descartam envolvimento da Rússia em ciberataque ao Partido Democrata
    Tags:
    ataque hacker, hackers, eleições nos EUA, Partido Republicano, Partido Democrata, Hillary Clinton, Donald Trump, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar