22:53 25 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 04
    Nos siga no

    Todas as acusações restantes contra três policiais de Baltimore (EUA) envolvidos na morte do cidadão afro-americano Freddie Gray em 2015 foram retiradas nesta quarta-feira (27), encerrando o caso sem que ninguém tenha sido condenado.

    A decisão foi anunciada em uma audiência preliminar para o policial Garrett Miller. O julgamento do policial William Porter estava programado para começar em setembro, e a sargento Alicia White iria a julgamento em outubro. 

    Três outros oficiais que enfrentavam o tribunal no caso de Gray também foram previamente absolvidos de todas as acusações, que incluíam agressão, homicídio, detenção ilegal e conduta imprópria do ofício. 

    ​Gray tinha 25 anos quando morreu devido a uma lesão da medula espinhal sofrida enquanto estava sob custódia policial, em abril de 2015. Os policiais de Baltimore foram acusados de ignorar os pedidos de ajuda médica do homem. 

    A morte do jovem afro-americano jogou combustível no crescente movimento Black Lives Matter (“Vidas Negras Importam”) e desencadeou uma série de distúrbios e protestos em massa na cidade e no país.

    Mais:

    Michael Jordan doa US$ 2 milhões para 'melhorar relações' entre negros e policiais nos EUA
    Obama condena ataque contra policiais na Lousiana
    Três policiais morreram em tiroteio na Louisiana nos EUA
    Metade dos jovens negros dos EUA acha que não passam de 35 anos
    Tribunal absolve policial responsável pela morte de dois negros desarmados nos EUA
    Tags:
    Black Lives Matter, acusações, julgamento, policiais, Freddie Gray, EUA, Baltimore
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar