05:36 23 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Ibrahim Jaafari, chanceler do Iraque

    Bagdá exige posição firme dos países árabes para retirada de tropas turcas do Iraque

    © AP Photo / Karim Kadim
    Mundo
    URL curta
    131
    Nos siga no

    Bagdá cobrou uma posição mais firme dos países da Liga Árabe sobre a permanência de militares turcos em território do Iraque, declarou nesta segunda-feira o ministro das Relações Exteriores deste país, Ibrahim al-Jaafari, ao discursar durante a cúpula da Liga dos Estados Árabes, realizada na Mauritânia.

    Em dezembro de 2015, as relações entre Iraque e Turquia entraram em crise, após o ingresso de tropas turcas na localidade iraquiana de Bashik, na província de Ninawa. Segundo a Turquia, os seus militares ajudam no treinamento de milicias populares, que combatem grupos terroristas.

    O governo do Iraque classifica a presença militar turca como uma agressão e violação da soberania do país.

    "Apesar de repetidas promessas da parte turca, bem como de decisões árabes, nada foi realizado. Cobramos de nossos irmãos uma posição mais firme para exigir da Turquia o respeito pela soberania do Iraque e das decisões árabes (da Liga Árabe)", disse al-Jaafari durante o seu discurso, que foi transmitido ao vivo por emissoras de TV. 

    A 27ª cúpula da Liga Árabe começou neste segunda-feira na capital da Mauritânia, Nouakchott. O encontro em altíssimo nível, por enquanto está sendo um dos menos representativos na história da organização. Dos 21 países membros, somente 7 estão representados pelos respectivos chefes de Estado. A maioria dos países decidiu enviar seus chefes de governo, vice-presidentes, ou ministros de Relações Exteriores.

    Mais:

    Turquia ataca curdos no norte do Iraque
    Coalizão liderada pelos EUA critica Turquia e ressalta respeito à soberania do Iraque
    Turquia ataca posições curdas no Iraque
    Iraque exige a retirada das tropas da Turquia e ameaça considerar ação militar
    Tags:
    Liga Árabe, Ibrahim al-Jaafari, Nouakchott, Mauritânia, Turquia, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar