08:38 28 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 202
    Nos siga no

    O chefe da organização da energia nuclear do Irã Ali Akbar Salehi disse que Teerã e Moscou estão muito próximos de assinar um acordo sobre a venda de 40 toneladas de água pesada à Rússia, informa a agência IRNA.

    Behruz Kamalvandi, o vice-chefe da organização, próximo brevemente vai a Moscou em uma visita de trabalho em que ambos os lados discutirão as decisões a tomar sobre esta questão. Também há possibilidade de uma delegação russa visitar o Irã.

    De acordo com Afifeh Abedi, especialista do Centro das Pesquisas Estratégicas do Irã, os Estados Unidos já por muitas vezes tinham dito que vão ignorar todos os obstáculos para a realização do acordo nuclear com Irã, mas parece que não conseguiram se opor à hostilidade de vários círculos políticos internos. A especialista lembrou que o Irã tem o direito de escolher o comprador de modo independente.

    "O Congresso dos EUA criou muitos obstáculos à compra da água pesada iraniana. Mas a Rússia reagiu como um raio. Moscou expressou sua vontade de comprar essa água ao Irã", disse.

    Charge sobre recorrentes confusões geopolíticas e geográficas dos oficias da defesa norte-americana
    © Sputnik / Vitaly Podvitsky
    Para o Irã, o Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA na sigla em inglês) sobre o programa nuclear iraniano não proíbe a produção de água pesada, mas foi definido um limite para a quantidade desta água que pode permanecer no país. Segundo o plano, ao Irã agora não é permitido ter mais de 130 toneladas de água pesada. A produção desta água não representa nenhuma ameaça, mas devido ao fato de seu uso estar diretamente ligado ao desenvolvimento da tecnologia de reatores de água pesada, esta questão se mantem sob vigilância atenta.

    "Mas como vocês podem ver, os acordos nucleares, infelizmente, se tornam constantemente objeto de mau jogo político numa série de países. Portanto, apesar de chegarem a um acordo, os lados russo e iraniano devem estar alerta: pode ser possível uma intervenção de terceiros países para fazer o acordo fracassar", avisa a especialista.

    Mais:

    EUA pedem continuação do cumprimento do acordo sobre programa nuclear do Irã
    Irã recupera mercado de petróleo após levantamento das sanções
    Irã ganha influência no clube espacial mundial
    Tags:
    Rússia, Irã, EUA, ONU, programa nuclear iraniano, água pesada
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar