00:13 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)
    0 11
    Nos siga no

    O presidente da Turquia Tayyip Erdogan admite que possa ocorrer um novo golpe, adicionando que agora as autoridades estarão mais bem preparadas, informa a agência Reuters.

    Segundo o presidente, futuros golpistas terão dificuldades em tentar atingir seus objetivos já que as autoridades "estão mais vigilantes". 

    Erdogan destacou que os serviços secretos do país cometeram alguns erros na véspera do golpe. 

    "É evidente que nossa inteligência teve lacunas e falhas, não faz sentido escondê-las ou negar", afirmou o chefe do Estado.

    Na noite da sexta-feira passada (15) um grupo de insurgentes turcos realizaram uma tentativa de golpe de Estado militar no país. Os principais confrontos aconteceram em Ancara e em Istambul. O governo da Turquia declarou que 190 civis morreram, assim como 100 militares revoltosos. Segundo dados oficiais, 1,5 mil pessoas ficaram feridas.

    Na noite desta quinta-feira (20), o governo turco anunciou estado de emergência por três próximos meses.

    Tema:
    Tentativa de golpe militar na Turquia (109)

    Mais:

    Assad: Erdogan utiliza o golpe para executar sua 'agenda extremista' na Turquia
    Midia: 'Foi Rússia quem advertiu Erdogan sobre golpe de Estado'
    Tags:
    golpe militar, Recep Tayyip Erdogan, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar