23:14 25 Fevereiro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    205
    Nos siga no

    A ONU pediu para os lados em conflito na Síria um cessar-fogo de 48 horas para permitir que a ajuda humanitária consiga chegar ao leste Aleppo e a outras zonas sitiadas onde os civis possam estar passando fome.

    Jan Egeland, assessor humanitário do enviado da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, disse à Reuters que uma escalada nos combates estava impedindo a ajuda de chegar a muitas áreas do país. 

    "Uma trégua humanitária poderia funcionar da seguinte forma: nós ganhamos 72 horas de antecedência para ir […] e uma pausa nos combates durante 48 horas. Isso é o que precisamos. Isso é o que é preciso para estabelecer uma linha de salvação para lugares onde as pessoas estão à beira da inanição […]. O leste de Aleppo tornou-se um tal lugar", disse Egeland em entrevista coletiva em Genebra.


    Mais:

    Síria: Staffan de Mistura participará da reunião da Rússia, EUA e ONU em Genebra
    Ministério da Defesa da Rússia publica imagens de ataque aéreo na Síria (VÍDEO)
    ONU entregou ajuda humanitária a 1 milhão de pessoas em áreas remotas ou sitiadas da Síria
    Tags:
    inanição, fome, cidades sitiadas, ajuda humanitária, trégua, cessar-fogo, ONU, Jan Egeland, Staffan de Mistura, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar