12:27 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Golpe militar na Turquia

    China apoia Turquia nos esforços de proteger a segurança nacional

    © AP Photo/ Emrah Gurel
    Mundo
    URL curta
    0 11
    Nos siga no

    A China apoia os esforços das autoridades turcas nos seus esforços para garantir a segurança e a estabilidade nacional após a tentativa de golpe, manifestando satisfação com o restabelecimento da ordem no país. A declaração é do porta-voz da chancelaria chinesa, Lu Kan.

    Na sexta-feira à noite, as autoridades turcas anunciaram uma tentativa de golpe militar no país. Os militares, por sua vez, declararam a transferência de poder para as suas mãos. Na manhã de sábado, soldados rebeldes começaram a se render e o Governo afirmou que a tentativa de golpe tinha falhado. 

    Agentes de segurança turcos detiveram mais de 6.000 pessoas, incluindo oficiais militares de alto escalão. De acordo com o Ministério das Relações Exteriores turco, 290 pessoas foram mortas como resultado da tentativa de golpe. 

    "A situação na Turquia no momento: a ordem, em geral, foi restabelecida, e  a situação está estabilizada. Expressamos nossa alegria em relação a isto… A China apoia os esforços do lado turco de garantir a segurança e a estabilidade nacional", diz o comunicado da diplomacia chinesa, publicada no site do Ministério das Relações Exteriores da China.

    O porta-voz da chancelaria chinesa também comentou que a situação na Turquia tem uma grande influência no mundo e na estabilidade no Oriente Médio. 

    Lu Kan ainda destacou os cidadãos chineses que se encontravam no aeroporto de Istambul não foram afetados pelos acontecimentos na Turquia, informando que os chineses deixaram o país em segurança. 

    Mais:

    Ex-comandante-chefe da Turquia assumiu responsabilidade pela tentativa de golpe
    Turquia: Soldados abrem fogo contra policiais na base militar de Etimesgut
    Ministro da Defesa ainda vê ameaça de golpe militar na Turquia
    30 governadores e 7.899 policiais são detidos depois de tentativa de golpe na Turquia
    Tags:
    estabilidade, segurança, golpe militar, Recep Tayyip Erdogan, China, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar