09:50 20 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Cidade síria de Aleppo após bombardeamentos, 2 de maio 2016

    Bombardeio em Aleppo faz 8 mortos, 'número pode crescer', dizem médicos

    © AFP 2017/ Karam Al-Masri
    Mundo
    URL curta
    0 26101

    Um bombardeio perpetrado por um grupo terrorista matou pelo menos oito pessoas e feriu outras 80. De acordo com médicos, o número de feridos pode ainda crescer.

    "De acordo com as informações iniciais, oito pessoas morreram e 80 ficaram feridas. O número de vítimas pode crescer significativamente, muitas pessoas sofreram lesões graves e o bombardeio continua", disse um empregado do serviço médico, citado pela agência de notícias RIA Novosti.

    Aleppo é o centro da província homônima da Síria. Recentemente, a situação lá tem se agravado por causa da atividade intensa de grupos terroristas como a Frente al-Nusra (proibida na Rússia).

    Mais cedo, informava-se que a intensificação dos combates seguiu depois da conquista, pela milícia popular junto com o exército governamental, das fazendas de al-Mallah, ao norte da cidade.

    No dia 8 de julho, houve 30 mortos em uma série de ataques terroristas na cidade.

    Mais:

    Militares russos registram duas violações ao cessar-fogo na Síria
    Aviões da OTAN voarão sobre espaço aéreo turco para monitorar Síria e Iraque
    Trégua na Síria é prolongada até 12 de julho
    Tags:
    Frente al-Nusra, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik