23:38 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Ministro das Relações Exteriores chinês Wang Yi e o seu homologo iraniano, Mohammad Javad Zarif

    Chanceleres chinês e iraniano conversam sobre acordo nuclear

    © AFP 2017/ LINTAO ZHANG
    Mundo
    URL curta
    0 26380

    O ministro das Relações Exteriores chinês Wang Yi abordou em uma conversa telefônica com o seu homólogo iraniano, Mohammad Javad Zarif, as perspectivas da implementação do acordo sobre o programa nuclear do Irã, informou o comunicado do Ministério das Relações Exteriores chinês, divulgado nesta quarta (6).

    Os chanceleres também discutiram a possibilidade de reconstrução da usina nuclear em Arak.

    "Depois de alcançar um acordo global, o Irã e o grupo P5 + 1 estão realizando ativamente suas obrigações. Em geral, o processo da implementação está andando de forma positiva. Esperamos que todas as partes continuem a cumprir as suas obrigações com responsabilidade, melhorando continuamente a confiança mútua e cumprindo os termos da Resolução 2231, inclusivamente a aceleração da reconstrução da usina nuclear em Arak", disse Wang Yi a seu colega iraniano. 

    ​O ministro chinês sublinhou que a China continuará a desempenhar um papel importante nesta questão. 

    Em janeiro, a União Europeia, a ONU e, parcialmente, os EUA suspenderam suas sanções contra o Irã após a Agência de Energia Atômica verificar o cumprimento por Teerão do acordo nuclear alcançado em julho do ano passado.

    O acordo, que envolveu a participação da Rússia, China, EUA, Reino Unido, França e Alemanha, garante que o programa nuclear do Irã tem fins pacíficos em troca do fim das sanções, que foram impostas contra o país baseadas no medo de que o Irã fosse desenvolver uma arma nuclear.

    Mais:

    Estatal russa pretende começar construção de usina nuclear no Irã em 2016
    Obama: acordo nuclear com Irã mostra capacidade da diplomacia americana
    Chefe da IAEA: Irã cumpriu medidas de acordo nuclear
    Tags:
    programa nuclear iraniano, resolução, acordo, ONU, Mohammad Javad Zarif, Wang Yi, Reino Unido, Alemanha, França, União Europeia, EUA, Irã, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik