12:05 24 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Extração de petróleo em Krasnodar, Rússia

    Rússia ultrapassa Arábia Saudita como maior exportadora de petróleo para a China

    © Sputnik / Viktor Filatov
    Mundo
    URL curta
    3140

    A Rússia se tornou o maior fornecedor de petróleo para a China, com exportações que superaram 22 milhões de toneladas entre janeiro e maio deste ano, ultrapassando assim a Arábia Saudita, que exportou 21,8 milhões de toneladas de petróleo para o país asiático.

    Pequim também aumentou as importações de petróleo do Brasil, do Iraque, do Irã, de Omã, do Kuwait, da Venezuela e dos Emirados Árabes Unidos.

    Em março deste ano, o vice-presidente da Transneft, Sergey Andropov, anunciou que a China estava disposta a importar 27 milhões de toneladas de petróleo bruto da Rússia este ano através do oleoduto Sibéria Oriental-Oceano Pacífico.

    A cooperação entre os dois países têm aumentado significativamente nos últimos anos. Dois anos atrás, a empresa petrolífera russa Rosneft e a chinesa CNPC assinaram um acordo de 25 anos no valor recorde de 270 bilhões de dólares, sob o qual se espera que a empresa russa forneça 360,3 milhões de toneladas de petróleo bruto à China.


    Mais:

    Petróleo cresce, dólar baixa
    Rússia pode extrair petróleo por pelo menos mais 30 anos no ritmo atual
    Arábia Saudita diminui preços do petróleo para Europa, mas aumenta para os EUA
    Tags:
    petróleo, exportações, Transneft, CNPC, Rosneft, Arábia Saudita, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik