17:12 20 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Bernie Sanders e Hillary Clinton

    Bernie Sanders declara voto a Hillary Clinton nas eleições presidenciais dos EUA

    © Sputnik/ Cassandra Fairbanks
    Mundo
    URL curta
    239825

    O senador norte-americano Bernie Sanders, pré-candidato democrata à Casa Branca, admitiu nesta sexta (24) que votará em sua rival Hillary Clinton na corrida à presidência dos Estados Unidos.

    Em entrevista à MSNBC, Sanders respondeu afirmativamente quando perguntado se votaria em Clinton, com quem mantém uma longa luta nas primárias pela indicação do Partido Democrata.

    De acordo com o senador de Vermont, a possível vitória de Donald Trump, o candidato republicano, seria um "desastre para o país". Um líder que insulta mexicanos, latinos e muçulmanos não deveria tornar-se presidente da nação norte-americana, disse Sanders, acrescentando que seu objetivo principal é evitar que alguém como Trump chegue à Casa Branca.

    Sanders não suspendeu por ora sua campanha para a presidência, embora sua principal concorrente já tenha atingido o número de delegados necessários para conquistar a nomeação do partido.

    O senador espera que Clinton, que será confirmada como a candidata presidencial democrata na convenção do partido em julho, adote algumas de suas propostas, como educação superior pública e gratuita ou saúde universal e pública ao estilo europeu.

    Mais:

    Obama concede apoio a Clinton como continuidade do seu mandato
    Obama recebe Sanders na Casa Branca após vitória de Clinton nas primárias
    Hillary Clinton declara vitória nas primárias do partido Democrata
    Imprensa: Clinton já possui votos necessários para vencer as primárias
    Kremlin comenta palavras de Clinton sobre suposto apoio da Rússia a Trump
    Trump polemiza de novo na Internet após tiroteio em boate gay de Orlando
    Tags:
    educação, saúde, corrida presidencial, 2016, candidatos, Partido Republicano, Partido Democrata, voto, nomeação, primárias, eleições, Donald Trump, Hillary Clinton, Bernie Sanders, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik