08:36 22 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    O navio britânico HMS Westminster se desloca pelo porto de Gibraltar em 19 de agosto de 2013, na véspera de umas manobras navais anunciadas naquela época pelo governo britânico

    Ministro: Reino Unido nunca aceitará soberania partilhada sobre Gibraltar

    © AP Photo/ Laura Leon
    Mundo
    URL curta
    Brexit: reações e consequências (121)
    11199339

    Reino Unido nunca aceitará soberania partilhada com a Espanha sobre Gibraltar, disse o ministro britânico dos assuntos europeus, David Lidington, na sexta-feira (24).

    "O Reino Unido nunca aceitará condições, segundo as quais os residentes de Gibraltar fiquem sob a soberania de outro país", disse Lidington em Bruxelas, na sexta-feira (24).

    Antes, o ministro interino das Relações Exteriores da Espanha José Manuel Garcia Margallo declarou que a saída da Grã-Bretanha da UE permitirá à Espanha reclamar Gibraltar. Ele ofereceu estabelecer uma soberania compartilhada da Espanha e Reino Unido para que os "residentes de Gibraltar preservem a cidadania britânica", depois de no território ser "restaurada a soberania da Espanha".

    A vice-presidenta interina do governo espanhol Soraya Saenz de Santamarina declarou que seus direitos e postos de trabalho se manterão inalteráveis e que a Espanha continua considerando Gibraltar como seu território.

    "Com o referendo sobre o Brexit ou sem ele, o governo da Espanha sempre considerou Gibraltar como seu território", disse Saenz de Santamaria na entrevista coletiva.

    Gibraltar é um território ultramarino britânico que é controlada por Londres desde 1713. A Espanha considera Gibraltar como território seu. Em 1967 e 2002, foram realizados dois referendos nos quais a maioria da população de Gibraltar se manifestou contra a proposta de se unirem à Espanha.

    Tema:
    Brexit: reações e consequências (121)
    Tags:
    soberania, referendo, Brexit, Gibraltar, União Europeia, Espanha, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik