21:57 17 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Soldado sul-coreano

    Coreia do Sul avisa sobre ameaça terrorista

    © AP Photo / Lee Jin-man
    Mundo
    URL curta
    302

    O grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) pode estar preparando ataques contra bases militares americanas na Coreia do Sul e também contra cidadãos sul-coreanos, diz um comunicado dos serviços secretos do país.

    "O grupo terrorista Daesh selecionou como alvos dos ataques as instalações militares americanas existentes no país e também nossos cidadãos. Isto é confirmado pelos apelos ao terrorismo e pelas publicações de coordenadas de instalações e dados pessoais [de cidadãos] através de mensageiros", cita a declaração do departamento a agência de notícias Yonhap.

    Em particular, os terroristas publicaram as coordenadas exatas das bases aéreas dos EUA Osan e Gunsan, localizadas no oeste do país, e um mapa de satélite do Google com suas imagens. De acordo com funcionários dos serviços secretos, os terroristas conseguiram encontrar esses dados em áreas do acesso livre na Internet.

    Além disso, se relata que foram divulgados dados pessoais de um dos funcionários do serviço social da República da Coreia que, provavelmente, teriam sido obtidos em resultado de ataque cibernético ao site do seu empregador.

    De acordo com a inteligência, os alvos terroristas podem não se limitar apenas aos cidadãos da Coreia do Sul e às instalações militares em todo o país. Os dados sobre a localização de 77 bases aéreas da OTAN e dos EUA em todo o mundo, assim como informações pessoais de cidadãos de 21 países também poderiam se tornar do domínio público.

    Demonstrante carrega bandeira do Brasil, São Paulo, Brasil, 19 de março de 2016
    © AFP 2018 / MIGUEL SCHINCARIOL
    Um grupo de hackers, o United Cyber Caliphate, divulgou a informação através do mensageiro Telegram. As mensagens continham apelos à "vingança em nome do islã".

    As autoridades prometem conceder proteção de polícia às pessoas que foram indicados na lista dos terroristas. A informação sobre ameaças em relação às bases americanas no território sul-coreano foi transferida para as organizações interessadas.

    Mais:

    ONU denuncia Daesh por genocídio, crimes de guerra e contra humanidade
    Mídia: Daesh organizará mais atentados nos EUA
    OTAN avalia ampliar apoio ao Iraque na luta contra o Daesh
    Líder do Daesh é ferido durante ataque aéreo
    Tags:
    segurança internacional, ameaça terrorista, OTAN, Daesh, EUA, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik