13:58 10 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Suspeitos foram presos como parte de operação ligada à Eurocopa

    Autoridades belgas prendem 12 e acusam 3 em operação antiterrorista da Euro 2016

    © AP Photo / Alastair Grant
    Mundo
    URL curta
    Euro 2016 (52)
    0 11

    As autoridades da Bélgica acusaram neste sábado três suspeitos de "tentativa de ataque terrorista" após uma operação de busca e apreensão em diversas propriedades como parte de esforços para deter supostas ameaças extremistas ligadas ao Campeonato Europeu de Futebol de 2016, que acontece na vizinha França.

    Identificados como Samir C., Moustapha B. e Jawad B., o trio estava entre um grupo de 12 pessoas detidas durante a madrugada, horas antes do confronto entre Bélgica e Irlanda pela segunda rodada do grupo E da Eurocopa, vencido pelos belgas por 3 a 0.

    Os três também foram acusados de "participação em atividades de grupo terrorista", enquanto os outros nove foram liberados após interrogatório, segundo a promotoria.

    As áreas onde foram realizadas as operações incluíram partes da capital belga utilizadas por jihadistas para planejar os ataques de Paris, em novembro passado, e de Bruxelas, em março. 

    Tema:
    Euro 2016 (52)

    Mais:

    Ameaça de ataque nuclear terrorista faz Bélgica distribuir pastilhas de iodo à população
    Promotoria da Bélgica apresenta acusações contra três autores dos atentados
    Tribunal belga libera terrorista que participou em execução na Síria
    Violência e racismo atingem brasileiros na Eurocopa
    Resenha: A Eurocopa, os hooligans e a russofobia
    França coloca na cadeia três fãs russos por dois anos devido às desordens na Eurocopa 2016
    Tags:
    terroristas, ataque, Eurocopa, Euro 2016, Jawad B, Moustapha B, Samir C, Irlanda, Paris, Bruxelas, Bélgica, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik