06:57 21 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    041
    Nos siga no

    A redução de dois milhões de toneladas no volume de petróleo livre de taxas exportado para a Bielorrússia no terceiro trimestre do ano se deve ao não pagamento do fornecimento de gás e ao não cumprimento, por parte de Minsk, dos acordos de envio de derivados de petróleo para a Rússia, explicou hoje o ministro russo da Energia, Aleksandr Novak.

    De acordo com Novak, no entanto, a Rússia ainda enviará pelo menos 18 milhões de toneladas de petróleo para a sua vizinha em 2016. 

    "O fornecimento no terceiro trimestre terá apenas uma redução de 2 milhões de toneladas métricas em relação aos acordos anteriores", frisou o ministro em conversa com jornalistas no Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo. 

    Nos últimos anos, a Rússia forneceu em média 23 milhões de toneladas anuais de petróleo para a Bielorrússia. 

    Mais:

    Ministro russo diz que próxima alta nos preços do petróleo será daqui a 10-15 anos
    Tags:
    Rússia, São Petersburgo, Minsk, Alexander Novak, petróleo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar