21:06 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Ministro das Relações Exteriores da Rússia Sergei Lavrov e secretário-geral da ONU Ban Ki-moon

    Lavrov e secretário-geral da ONU pedem novos esforços na regulação da crise síria

    © REUTERS / Mike Segar
    Mundo
    URL curta
    0 11

    O ministro das Relações Exteriores da Rússia e o secretário-geral da ONU Ban Ki-moon confirmaram a necessidade de adotar medidas extra para a regulação das crises na Síria e na Líbia, informou a chancelaria russa.

    O encontro dos dois aconteceu nesta quarta-feira (16) às margens do Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo.

    “Os dois lados discutiram os assuntos mais importantes da agenda internacional, incluindo as situações na Síria, na Líbia e no Iêmen, o processo de paz no Oriente Médio e a luta contra o terrorismo internacional. Houve consenso com relação à urgência de novos esforços para alcançar progresso a curto prazo na regulação dessas crises regionais. Lavrov destacou que a solução justa e viável desses problemas exige a consideração dos interesses de todos os lados envolvidos” – diz o comunicado emitido pelo Ministério das Relações exteriores da Rússia.

    Destacou-se ainda que, no âmbito da luta internacional conta o terrorismo, Lavrov e Ki-moon abordaram o assunto da reforma da estrutura de combate ao terrorismo da ONU.

    A Síria vive uma guerra civil desde 2011. De acordo com as últimas informações passadas pelo enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, o número de mortos no conflito já chega a 400 mil.

    Um cessar-fogo negociado por Rússia e EUA entrou em vigor na Síria em 27 de fevereiro. A trégua teve o apoio do governo sírio e de dezenas de grupos de oposição, porém não contempla os grupos terroristas Daesh e Frente al-Nusra.

    Tags:
    crise, regulação, Fórum Econômico de São Petersburgo, ONU, Ban Ki-moon, Sergei Lavrov, São Petersburgo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar