16:29 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Galinha

    Bolívia não quer galinha imperialista no seu território

    © AFP 2019/ FRED TANNEAU
    Mundo
    URL curta
    19126
    Nos siga no

    O Governo boliviano recusou a oferta anunciada pelo magnata americano Bill Gates de doar galinhas para "reduzir a pobreza e melhorar a nutrição" dos camponeses deste país, segundo declarou à imprensa local o ministro do Desenvolvimento Rural e Terras, César Cocarico.

    "Rude, acho rude, porque infelizmente a visão de algumas pessoas, especialmente do império, continua nos vendo como mendigos", afirmou o ministro, citado pela agência de notícias Fides Da Paz.

    Através de sua Fundação Bill & Melinda, Gates anunciou que enviaria na qualidade de doação, e através da organização Heifer International, 100 mil galinhas a uma vintena de países, entre os quais se encontra a Bolívia, com o objetivo de "reduzir a pobreza" e "melhorar a nutrição" de camponeses, detalha a agência boliviana.

    Cocarico expressou a recusa do governo boliviano ao oferecimento de Gates, depois da reunião do gabinete de ministros, na residência presidencial em La Paz.

    Mais:

    Dezenas de empresas canadenses interessadas em investir no setor petrolífero da Bolívia
    Bolívia: estamos sempre ao lado da Rússia
    Rússia expressa vontade de construir primeira usina nuclear na Bolívia
    Tags:
    nutrição, beneficência, exportação, galinha, Bill Gates, EUA, Bolívia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar