08:32 12 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Donald Trump, candidato republicano à presidência dos Estados Unidos

    ‘Falso profeta’ engana o mundo da internet com ‘previsões’ sobre tragédias de 2016

    © REUTERS/ Rhona Wise
    Mundo
    URL curta
    112

    O que parecia ser um incrível acerto de previsão de fatos marcantes de 2016, além de um mau presságio para o candidato à presidência dos EUA, Donald Trump, se revelou uma ‘pegadinha’ que enganou milhares de internautas ao redor do mundo.

    Tudo começou quando começou a ser veículada nas redes sociais uma postagem datada de 27 de dezembro de 2014 da página do facebook de Pablo Reyes, prevendo a morte de Prince, Muhammad Ali e Donald Trump em 2016, além de dizer que uma mulher venceria as eleições norte-americanas pela primeira vez (Hillary Clinton) e que os EUA iriam sofrer a maior tragédia de um tiroteio em massa da história do país (Orlando). 

    A postagem se revelou uma farsa quando foi revelado que Pablo Reyes simplesmente alterou a data da ‘timeline’ de sua página do facebook para que a postagem seja vista como se fosse escrita em dezembro de 2015, quando, na verdade, foi feita em 13 de junho deste ano. 

    A farsa foi revelada, mas o estrago já estava feito, pois milhares e milhares de internautas já estavam curtindo e compartilhando suas redes sociais. A postagem foi apagada, mas o seu perfil já somou mais de 40 mil ‘curtidas’.  

    Das ‘falsas previsões’, única que não se realizou e parece estar longe de acontecer é a morte de Donald Trump, tendo em vista que Hallary Clinton venceu a candidatura à presidência pelo Partiudo Deomcrata. Portanto, o que parece ser uma brincadeira, pode ter se revelado como um desejo do autor da ‘pegadinha’. 


    Mais:

    Previsão de morte de Donald Trump choca Internet
    Trump quer achar dinheiro enviado para o Iraque
    Trump polemiza de novo na Internet após tiroteio em boate gay de Orlando
    Trump classifica atentado de Orlando como demonstração de ódio islâmico
    Tags:
    previsão, brincadeira, Internet, Hillary Clinton, Donald Trump, Prince, Muhammad Ali
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik