17:28 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    M1A2 Abrams nos exercícios conjuntos dos EUA e Geórgia em 5 d emaio, 2016

    Irá prevalecer o bom senso? Geórgia recusa participar dos exercícios da OTAN

    © REUTERS / David Mdzinarishvili
    Mundo
    URL curta
    3220
    Nos siga no

    A Geórgia recusou se juntar aos exercícios militares da OTAN Anakonda 2016 provocando desagrado por parte da Polônia.

    Anteriormente, o secretário de imprensa do comando operacional do exército da Polônia Pyotr Valatek disse esperar uma explicação oficial para sua ausência nos exercícios.

    O Ministério da Defesa da Geórgia tinha decidido que os militares georgianos não iriam participar dos exercícios multilaterais da OTAN por causa da catapora.

    "Essa é uma doença comum, a catapora simples, que é contagiosa. Até o momento foram registados dois casos da doença e foi por isso que o Ministério decidiu a cancelar a participação dos militares georgianos em exercícios para não difundir o vírus. O estado dos militares é estável", comunicou à imprensa o Ministério da Defesa da Geórgia.

    O Ministério confirmou também que a parte georgiana tinha informado oficialmente a Polônia sobre as razões da ausência dos soldados georgianos.

    "Várias fontes da mídia tinham informado que a Geórgia não tinha sido convidada para participar dos exercícios, mas essa informação não corresponde à realidade", acrescentou o ministério.

    Nos exercícios Anakonda-16 participam 31 mil militares de 24 países.

    Mais:

    Ex-comandante da OTAN: países da aliança devem manter diálogo constante com a Rússia
    Pentágono: OTAN seria incapaz de deter um ataque da Rússia no Báltico
    Tags:
    razão, militares, catapora, recusa, exercício militar, OTAN, Polônia, Geórgia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar