05:58 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Verónika Mendoza candidata à presidência do Peru

    Mendoza: ‘Conseguimos fazer da esquerda uma força notável no Peru’

    © REUTERS/ Janine Costa
    Mundo
    URL curta
    130232

    Verónika Mendoza, líder do partido peruano Frente Ampla, falou com exclusividade à Sputnik sobre o resultado do primeiro turno das eleições presidenciais no país.

    Apesar de não haver passado ao segundo turno das eleicões presidenciais, a candidata declarou estar bastante satisfeita com o resultado alcançado nas urnas. Segundo Mendoza, sua participação permitiu posicionar um projeto político de esquerda como “segunda força política” no país e com “enormes perspectivas de consolidação e crescimento”.

    Além disso, a líder de esquerda afirmou que com sua candidatura, foi possível “apresentar uma agenda de mudanças” sobre vários temas, como a reforma do sistema político-eleitoral no Peru, a luta contra a corrupção, o exercício da soberania sobre os recursos do país e o reconhecimento da diversidade cultural peruana, entre outras coisas.

    A candidata viajou a diversas capitais latino-americanas para conversar com representantes de partidos políticos de esquerda, com o objetivo de ter “vínculos e pontes” com outras forças políticas progressistas de esquerda do continente para “contribuir na geração de um processo de integração” e “responder ao avanço conservador de direita” na região.

    Mais:

    Peru em pânico com 'possessões demoníacas' em massa em escola de Tarapoto (VÍDEO)
    Evo: Bolívia está prestes a assinar acordos de exportação de gás para Peru e Paraguai
    Brasil e Peru celebram acordo internacional de compras governamentais
    Tags:
    liderança, esquerda, política, Verónika Mendoza, Peru
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik