00:14 24 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko

    Presidente ucraniano tem offshores na Alemanha

    © REUTERS/ Valentyn Ogirenko
    Mundo
    URL curta
    Panama Papers (32)
    0 28905

    Uma emissora realizou uma investigação própria, que revela esquemas parecidos com os divulgados no âmbito dos Panama Papers (Papéis do Panamá).

    Uma empresa do presidente ucraniano Pyotr Poroshenko, ao que parece, controla as atividades de uma fábrica alemã através de empresas offshore, que formalmente é propriedade de um amigo e parceiro de negócios, Sergei Zaitsev, informa a emissora alemã Deutsche Welle.

    Trata-se de uma fábrica para a produção de amido, que está localizada na pequena cidade alemã de Elsteraue, situada no estado de Saxônia-Anhalt. A empresa emprega 100 funcionários, e seu volume de negócios anual — seis milhões de euros.

    Em 2011, a fábrica foi comprada por um "investidor ucraniano". Uma empresa de Kiev Investment Capital Ukraine (ICU) foi um consultor da compra realizada.

    Uma vez que a produção tornou-se a propriedade deste investidor, a empresa deixou de ter qualquer rendimento — pelo menos um que esteja sujeito ao imposto de renda na Alemanha.

    Como diz o DW, a mídia já associou esta planta com presidente ucraniano Poroshenko. Contudo, o nome do atual proprietário conseguiu esconder atrás de um esquema de registro de empresas no offshore.

    Este esquema inclui várias empresas. O proprietário de direto desta fábrica é uma empresa alemã Interstarch GmbH.

    Um repórter de DW tentou esclarecer pessoalmente de Poroshenko, se ele for o beneficiário desta empresa, mas ele não respondeu. Então, o repórter perguntou a empresa ICU e elucidou que a empresa cipriota Camarin Limited pertence formalmente a Sergei Zaitsev, parceiro de negócios e amigo do presidente ucraniano.

    Formalmente Poroshenko não recebe quaisquer rendimentos fora da Ucrânia, porque o proprietário de ativos da empresa no Chipre e sua filial alemã é Zaitsev.

    No entanto, é possível que Zaitsev atue apenas como um chefe nominal. De acordo com os dados de Panama Parers Zaitsev jogou tal papel na empresa Roshen nos Países Baixos em uma empresa offshore no Chipre.

    De acordo com estes documentos, até Poroshenko dominou estas empresas públicas, embora fosse Zaitsev o proprietário registrado de ambas.

    Tema:
    Panama Papers (32)

    Mais:

    Panama Papers: informações sobre 320 mil contas offshore são publicadas
    Argentina solicitou ao Panamá informações sobre empresas offshore do presidente Macri
    Cameron reconhece que tinha ações em empresa offshore
    Tags:
    offshore, Panama Papers, Pyotr Poroshenko, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik