20:44 27 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Nicolás Maduro, presidente da Venezuela.

    Maduro denuncia possível intervenção estrangeira na Venezuela

    © REUTERS / Carlos Garcia Rawlins
    Mundo
    URL curta
    454

    O presidente da Venezuela Nicolás Maduro denunciou nesta terça-terça (17), em entrevista por videoconferência para a Sputnik, a existência de uma campanha internacional de desestabilização da situação em seu país, de forma a viabilizar uma futura intervenção estrangeira.

    “Eles querem conduzir a Venezuela a uma situação de violência generalizada com o único objetivo de criar condições para uma intervenção estrangeira” – revelou Maduro à Sputnik.

    O presidente destacou, no entanto, que os organizadores dessa campanha não alcançaram seus objetivos.

    Na últimas sexta-feira (13) Maduro prometeu adotar novas medidas para evitar um golpe de Estado no país, assinando em seguida um decreto estendendo o estado de emergência na economia venezuelana por mais 60 dias.

    Antes disso, o ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Delsey Rodriguez, acusou os EUA de promover uma campanha midiática e econômica contra o seu país para derrubar o governo constitucional, inclusive através da criação de escassez artificial de mercadorias.

    Tags:
    denúncia, intervenção estrangeira, Nicolás Maduro, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik