00:19 24 Junho 2018
Ouvir Rádio
    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, prepara-se para um encontro informal com os líderes dos BRICS no âmbito da cúpula do G20 em Antalya, em 15 de novembro de 2015

    Em primeira reunião com banco, Putin pedirá vice-presidência

    © AP Photo / Alexander Zemlianichenko
    Mundo
    URL curta
    5102

    Nesta terça-feira (17), Yuri Ushakov, assessor do presidente russo, informou que Vladimir Putin vai ter amanhã um encontro com o presidente do Banco Asiático de Investimentos em Infraestrutura (AIIB), Jin Liqun.

    Ushakov mencionou que a reunião tratará, entre outros assuntos, da possibilidade de a Rússia ficar na vice-presidência do banco.

    O candidato russo é Aleksei Gruzdev, representante comercial da Federação da Rússia na República Popular da China.

    "Em 18 de maio, terá lugar a primeira conversa do nosso presidente [Vladimir Putin] com o presidente do Banco Asiático de Investimentos em Infraestrutura, Jin Liqun. Este será o primeiro encontro entre o presidente da Rússia e o chefe do novo banco", disse Yuri Ushakov.

    O assessor presidencial não deixou de lembrar que a Rússia, junto com a China e a Índia, é um dos acionistas mais importantes do banco. Em 2015, o banco fez sua estreia nas manchetes, com a adesão de vários países, inclusive a Austrália, o Brasil, o Canadá, a Dinamarca, a Finlândia, a França, a Geórgia, a Itália e outros, — um total de 57 países, que em 29 de junho de 2015 assinaram o acordo sobre a instituição do banco.

    Mais:

    Mudanças políticas no Brasil: chega novo chefe do Banco Central
    'Xô Draghi!' Lisboa contesta visita de presidente do Banco Central Europeu
    Irã pode aderir ao Banco dos BRICS
    Ex-vice-ministro de Finanças da China é indicado para presidir o AIIB
    Acordo para criação do banco AIIB, liderado pela China, é assinado
    Tags:
    economia, Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (AIIB), Jin Liqun, Vladimir Putin, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik