11:00 09 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    O líder do Boko Haram, Abubakar Shekau

    Apoio do Boko Haram ao Daesh na Líbia preocupa os EUA

    © AP Photo /
    Mundo
    URL curta
    0 11
    Nos siga no

    Os EUA estão preocupados com indícios de que o grupo terrorista Boko Haram esteja enviando seus homens à Líbia para combater ao lado de terroristas do Daesh (Estado Islâmico), declarou o primeiro vice-secretário de estado dos EUA Toni Blinken, durante um encontro sobre segurança regional na Nigéria.

    No ano passado, o Boko Haram, que atua na Nigéria, jurou lealdade ao Daesh, que controla amplos territórios na Síria, no Iraque e na Líbia.

    "Recebemos indícios sobre a existência de uma ampla cooperação entre eles [os dois grupos terroristas]" – revelou Reuters, citando palavras de Blinken. O vice-secretário explicou que o Daesh pode ter intensificado a sua cooperação com Daesh em troca de apoio logístico e material.

    "Dessa forma, supomos que hoje haja um contato e uma cooperação muito mais intensos entre esses grupos. Acompanhamos isso de perto, porque queremos cortar esses laços e impedir a sua futura expansão" – acrescentou Blinken.

    Mais:

    Boko Haram raptou cerca 500 mulheres e crianças em 2014, mas o caso foi silenciado
    Exército do Camarões elimina 92 membros do Boko Haram na Nigéria
    Ações do Boko Haram impedem que 1 milhão de crianças frequentem a escola
    Tags:
    apoio, terroristas, Daesh, Boko Haram, Líbia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar