20:56 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    12213
    Nos siga no

    A Rússia não é uma ameaça para ninguém, mas ela vai prestar atenção às sanções que são potencialmente perigosas para os seus interesses, afirmou o porta-voz da presidência russa, Dmitry Peskov.

    Peskov comentou a recente declaração do comandante da OTAN Curtis Scaparotti aos membros da aliança para que eles estejam prontos a enfrentar imediatamente as ameaças por parte da Rússia e do terrorismo internacional.

    “Temos repetidamente declarado que a Rússia não é uma ameaça para ninguém. A Rússia se manifesta persistentemente a favor da cooperação mutualmente benéfica tomando em consideração os interesses dos todos seus parceiros… Mas no mesmo tempo a Rússia obviamente não pode ignorar algumas ações que podem prejudicar diretamente ou potencialmente os seus interesses nacionais”.

    Na quarta-feira (4), Scaparotti assumiu o comando das Forças da OTAN na Europa. Durante a reunião, ele classificou a Rússia como um dos principais desafios para a aliança, afirmando que OTAN deve intensificar o seu nível de disponibilidade para agir e que deve ser preparada a “lutar nesta noite se a dissuasão falhe”.

    Mais:

    Rússia tenta conter OTAN com mais esforços
    OTAN está se aproximando das fronteiras da Rússia e ainda a considera como agressora?
    Tags:
    aliança, declaração, reação, reunião, ameaça, OTAN, Curtis Scaparrotti, Dmitry Peskov, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar