11:39 22 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    67543
    Nos siga no

    O favorito da corrida presidencial dos EUA pelo Partido Republicano, Donald Trump, declarou em entrevista à rádio Indiana Radio que os pilotos americanos deveriam abater os caças russos que se aproximarem demais e oferecerem perigo a aeronaves dos EUA.

    Os EUA têm acusado a Rússia de permitir que seus caças realizem aproximações perigosas de aviões ou navios americanos. O mais recente incidente do gênero ocorreu em 13 de abril, quando Washington alertou um caça russo Su-24 de ter sobrevoado o destróier Donald Cook no mar Báltico. O Pentágono classificou a manobra como uma "simulação de ataque".

    Na opinião de Trump, antes de tomar medidas mais extremas, o Presidente Barack Obama deveria reagir a esses incidentes pela via diplomática, discutindo a situação diretamente com o presidente russo Vladimir Putin.

    "Se isso não funcionar, então eu não sei… em algum momento você precisa atirar. É uma vergonha, uma vergonha. É um desrespeito total ao nosso país e ao presidente Obama" – disse Trump.

    Respondendo às acusações de Washington, o porta-voz oficial do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, declarou que os pilotos russos respeitaram todas as exigências internacionais de segurança durante a realização de suas manobras. Além disso, ele destacou que no momento do incidente no mar Báltico, o navio dos EUA se encontrava a meros 70 km da fronteira da Rússia.

    Mais:

    Trump diz que a China 'estupra' os EUA
    Protestos obrigam Trump a 'pular cerca' para chegar a comício
    Declarações de Trump sobre cooperação com Rússia encorajam, diz senador russo
    Tags:
    aviões, caças, Donald Trump, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar