23:18 20 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    101
    Nos siga no

    A Agência Mundial Antidoping (WADA, na sigla em inglês) publicou, nesta quarta-feira, relatório com números de 2014.

    Segundo o relatório de violações antidoping em 2014, 148 das 1.693 violações foram cometidas por atletas russos. A Itália, com 123 violações, foi o segundo país com mais casos, segundo a WADA.

    Em dezembro de 2014, o canal de TV alemão ARD exibiu um filme chamado “O Segredo do Doping: Como a Rússia Cria Campeões”. O documentário era sobre doping e corrupção no esporte russo. Após o lançamento da película, a WADA iniciou uma investigação sobre as supostas violações na Rússia.

    Em novembro de 2015, a WADA apresentou um relatório acusando a Rússia de várias violações às regras mundiais contra o doping e recomendou que o país fosse banido de competições internacionais de atletismo. Isso fez com que a Federação Russa de Atletismo fosse suspensa.

    Em março deste ano, vários atletas russos conhecidos testaram positivo para meldonium, uma substância incluída na lista de medicamentos proibidos em 1º de janeiro de 2016. A tenista Maria Sharapova, ex-número 1 do mundo, foi o caso mais famoso.

    No início deste mês, a WADA revogou o credenciamento do laboratório antidoping de Moscou, alegando o não-cumprimento da instalação com os padrões internacionais para laboratórios.


    Mais:

    Fabricante de chocolate se orgulha de apoiar Sharapova
    Nike rompe vínculo com Sharapova após revelação de exame antidoping
    Sharapova confessa uso de substância proibida
    Tags:
    violação, exame antidoping, doping, WADA, Rússia, Moscou
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar