03:58 27 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Participantes de protestos perto de edifício de Suprema Rada durante confrontos com forças policiais em Kiev, Ucrânia, agosto de 2015

    Golpe de Estado na Rússia é impossível

    © Sputnik / Stringer
    Mundo
    URL curta
    27411

    A Rússia é um país democrático e de direito, resistente ao nacionalismo e a qualquer influência externa. Nenhuns golpes de Estado a ameaçam, disse na terça-feira (26), o presidente do Comité para os Assuntos Internacionais do Conselho da Federação, Konstantin Kosachev.

    “A Rússia é um país democrático e de direito que pode resistir ao nacionalismo primitivo e a qualquer influência externa. Tais choques [como golpes de Estado] não são ameaça para o país, quaisquer que sejam os planos que alguém possa ter”, afirmou Kosachev.

    O senador destacou que não duvida de que as informações da Procuradoria Geral da Rússia correspondem à realidade e que tais planos existiram. Há, sim, dúvidas sobre se pessoas que planejavam isso serão normais, destacou o senador.

    “O Setor de Direita foi o organizador imediato e participante do golpe de Estado na Ucrânia em 2014, que provocou a esse país e o seu povo problemas colossais. A responsabilidade pelo colapso continuado do país também é do Setor de Direita, bem como de outras organizações nacionalistas ucranianas”, disse o senador.

    Há que lembrar que, de acordo com um relatório do Procurador Geral da Rússia, Yuri Chaika, partidários do grupo nacionalista ucraniano proibido na Rússia Setor de Direita tentaram organizar tumultos em massa para realizar um golpe de Estado na Rússia.

    Tags:
    ameaça, tumultos, golpe de Estado, Konstantin Kosachev, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik