18:00 18 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Membros da delegação de Damasco nas negociações sobre paz na Síria após encontro com o enviado especial da ONU para Síria Staffan de Mistura. Genebra, 18 de abril de 2016

    Damasco envia pedido de ajuda à ONU para combater terrorismo na Síria

    © AFP 2018 / FABRICE COFFRINI
    Mundo
    URL curta
    171

    O governo sírio enviou uma carta ao secretário-geral da ONU e ao presidente do Conselho de Segurança exigindo medidas urgentes para ajudar Damasco no combate ao terrorismo e a responsabilização de países responsáveis por apoiar grupos terroristas no país árabe.

    A informação foi prestada aos jornalistas nesta segunda-feira (25) pelo chefe da delegação de Damasco nas negociações sobre paz na Síria, Bashar Jaafari, após o seu encontro com o enviado especial da ONU para Síria Staffan de Mistura.

    "O governo da Síria enviou duas cartas idênticas ao secretário-geral da ONU e ao presidente do Conselho de Segurança da ONU com o objetivo de explicar a situação e pedir com que o Conselho aprove medidas urgentes e ajude o governo [sírio] na luta contra o terrorismo, segundo está previsto em resoluções do Conselho de Segurança da ONU. Solicitou-se ainda a responsabilização dos governos de países que financiam o terrorismo, resultando na morte de civis inocentes" – disse Jaafari.

    Ele destacou ainda que a escalação da violência na Síria possui contornos políticos.

    Anteriormente, Jaafari havia vinculado o aumento da violência em Aleppo à atividade do grupo Ahrar al-Sham (“Povo Livre do Levante”), treinado por forças especiais da Turquia. Além disso, ele acusou o grupo Jaysh al-Islam (“Exército do Islã”), apoiado pela Arábia Saudita, de promover ataques terroristas de Damasco.

    Mais:

    Sigilo: Pentágono não comenta diálogo com Moscou sobre envio de seus militares à Síria
    Merkel diz que líderes mundiais já reconhecem fragilidade da trégua na Síria
    Moscou constata degradação do diálogo pela paz na Síria
    Tags:
    terrorismo, pedido de ajuda, carta, ONU, Conselho de Segurança da ONU, Bashar Jaafari, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik