18:53 20 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Representante oficial do Ministério das Relações Exteriores russo, Maria Zakharova, durante a entrevista coletiva semanal, Moscou, Rússia, 17 de março de 2016

    Rússia está preocupada com degradação de direitos da mídia na Turquia

    © Sputnik / Vladimir Pesnya
    Mundo
    URL curta
    643

    Moscou está preocupada com a deterioração da situação da liberdade da mídia na Turquia. São sujeitos à perseguição não só os próprios jornalistas turcos e jornalistas russos, mas também representantes da mídia europeia enquanto a UE não reage a estes fatos, declarou a representante oficial do Ministério do Exterior da Rússia, Maria Zakharova.

    “O que acontece agora na Turquia, não só concerne a Federação da Rússia. Nós continuamos observando com preocupação a deterioração absoluta da situação na área da liberdade da mídia na Turquia”, disse Zakharova durante um briefing nesta quinta-feira (21).

    A representante da chancelaria da Rússia sublinhou que “apesar de a perseguição, atemorização, inclusive a perseguição por parte dos órgãos de segurança ser aplicada não só a jornalistas da própria Turquia, não só a jornalistas da Rússia, mas também jornalistas ou ativistas sociais, intelectuais dos países europeus”.

    “Olhem para a reação praticamente nula ou pressão nula por parte dos países da União Europeia para este país [Turquia]”, acrescentou Zakharova.

    proibição de entrada ao chefe da Sputnik Turquia Tural Kerimov é um exemplo da política de Ancara de opressão da mídia, declarou a representante da chancelaria russa.

    Lembramos que anteriormente o site em língua turca da agência Sputnik foi bloqueado na Turquia, por determinação do Departamento de Telecomunicações daquele país, no dia 14 de abril, sem qualquer explicação ou aviso prévio. A decisão foi aprovada posteriormente pelo Tribunal de Justiça do distrito de Gelbashi, província de Ancara, no sábado (16).

    Por causa do bloqueio dos sites da agência Sputnik pelas autoridades da Turquia, a redação começou a publicar os seus materiais nas contas do Facebook e Twitter.
    Tags:
    perseguição, polícia, jornalista, União Europeia, Tural Kerimov, Maria Zakharova, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar