05:00 18 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    221
    Nos siga no

    O ministro das Relações Exteriores da França, Jean-Mark Ayrault, declarou que o Grupo Internacional de Apoio à Síria ainda não alcançou resultados concretos. No entanto, segundo o francês, isso não deve ser considerado como barreira para solução política no país.

    "Existe o Grupo Internacional de Apoio à Síria, que já foi mencionado, mas que ainda não apresentou resultados concretos. Sabemos que é necessário promover uma iniciativa política para o progresso do processo de paz. França está pronta para isso", disse Ayrault depois da reunião mantida com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov. 

    A segunda rodada de negociações sírias começou em Genebra no dia 13 de abril. Na segunda-feira, o Alto Comitê de Negociações (ACN) da oposição síria solicitou ao enviado da ONU, Staffan de Mistura, a suspensão das negociações, em função da situação instável no país. ACN, entretanto, não pretende deixar Genebra, onde ocorrem no momento consultas técnicas sobre assuntos políticos com equipes da ONU. A situação permanece congelada até sexta-feira, quando a ONU prometeu avaliar os resultados das discussões em curso e tomar decisão sobre os próximos passos.

    O chanceler francês desembarcou em Moscou nesta terça-feira, 19, onde está realizando uma série de reuniões com autoridades russas. 

    Mais:

    Chanceler francês: relações entre Moscou e Paris são positivas, apesar das dificuldades
    Tags:
    Jean-Marc Ayrault, Genebra, Síria, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar