04:59 21 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    O presidente russo, Vladimir Putin, com o chefe de Estado dos EUA, Barack Obama, durante reunião do G20

    Putin e Obama concordam em garantir solidez do cessar-fogo na Síria

    © REUTERS / Kayhan Ozer/Pool
    Mundo
    URL curta
    271

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, concordou em conversa telefônica com o seu homólogo norte-americano, Barack Obama, sobre a necessidade de Moscou e Washington juntarem esforços para garantir que seja duradouro o regime de cessar-fogo na Síria, segundo informou o serviço de imprensa do Kremlin nesta segunda-feira.

    "Os líderes discutiram em detalhes a situação na Síria, reafirmando o seu compromisso em manter a cessação das hostilidades intermediada por Rússia e Estados Unidos naquele país e também em garantir o acesso humanitário a áreas relevantes", afirmou o Kremlin em comunicado.

    "O presidente russo e o americano enfatizaram a importância das atuais conversas sobre a Síria em Genebra sob a égide da ONU, que têm como objetivo encontrar soluções políticas para o conflito sírio".

    De acordo com as autoridades russas, o telefonema entre os dois chefes de Estado foi realizado por iniciativa de Obama, que aproveitou a ocasião para agradecer a ajuda de Moscou na libertação do cidadão americano Kevin Dawes, detido desde 2012 pelas autoridades de Damasco após entrar ilegalmente na Síria a partir da fronteira turca.

    Mais:

    Fonte: a trégua na Síria parece estar acabada
    Oposição síria pode formar delegação conjunta para próximas negociações em Genebra
    Moscou: grupos terroristas continuam atacando a população civil na Síria
    Rússia registrou cinco violações ao cessar-fogo na Síria em 24h
    Tags:
    telefonema, ONU, Kremlin, Kevin Dawes, Barack Obama, Vladimir Putin, Damasco, Washington, Moscou, Turquia, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik