14:48 14 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Sukhoi Su-27

    Pentágono: Avião dos EUA foi interceptado por caça russo de maneira perigosa

    © Foto/ Sukhoi Company
    Mundo
    URL curta
    95621
    Nos siga no

    Um avião militar dos Estados Unidos foi interceptado de "maneira perigosa e não profissional" por um caça russo Su-27 durante um voo de rotina sobre o mar Báltico, segundo acusou o Pentágono neste sábado.

    De acordo com as autoridades norte-americanas, o incidente teria ocorrido na última quinta-feira, em espaço aéreo internacional. A aeronave em questão, um Boeing RC-135, de reconhecimento, não teria invadido o território russo em nenhum momento, conforme garantiu a porta-voz da Defesa americana Laura Seal.

    Nesta semana, outros episódios envolvendo aeronaves russas no Báltico causaram profunda irritação nos militares dos EUA. Washington informou que aviões russos Su-24 e helicópteros Ka-27 teriam sobrevoado de forma agressiva o destroier americano USS Donald Cook durante manobras na região, o que, para o secretário de Estado americano, John Kerry, poderia ter provocado um conflito real entre os dois países. Em resposta às alegações dos militares dos Estados Unidos, no entanto, a Defesa russa disse que os exercícios russos foram realizados em conformidade com todas as normas internacionais de segurança e que não houve agressividade por parte dos pilotos, destacando que o evento ocorreu a alguns quilômetros de uma base naval russa no Báltico.

    Mais:

    EUA acusam aviões russos de fazer voos agressivos perto de navio americano
    Lavrov e Kerry discutem incidente com os Su-24 russos que 'assustaram' destróier dos EUA
    EUA divulgam vídeo sobre voo 'agressivo' de caça Su-24
    Tags:
    defesa, Ka-27, USS Donald Cook, Boeing RC-135, Su-27, Su-24, Boeing, Laura Seal, John Kerry, Mar Báltico, Moscou, Washington, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar