02:13 23 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Escombros provocados por terremoto na cidade japonesa de Mashiki, prefeitura de Kumamoto. 14/04/2016

    Hospitais recebem mais de 760 feridos após terremoto no Japão

    © REUTERS / Kyodo
    Mundo
    URL curta
    421

    O Secretário-Geral do Governo do Japão, Ёsihide Suga, declarou durante coletiva de imprensa em Tóquio que mais de 761 pessoas foram hospitalizadas após um terremoto de magnitude 6,5 ter atingido a ilha japonesa de Kyushu, a terceira maior ilha do arquipélago japonês.

    Informações prévias revelavam que os hospitais haviam recebido cerca de 200 pessoas.

    “De acordo com os últimos dados, nove pessoas morreram e 761 foram hospitalizadas” – disse Suga.

    Segundo a Agência Meteorológica do Japão, a ilha de Kyushu, localizada mais ao sul do país, foi atingida nesta quinta-feira (14) por um terremoto de magnitude 6,5. O epicentro do tremor foi localizado a uma profundidade de 11 quilômetros na prefeitura de Kumamoto, onde o choque mais forte chegou a registrar intensidade de 7 pontos. Várias cidades da região estão sofrendo com as réplicas.

    A imprensa está alertando as pessoas para se afastarem das margens dos rios e do mar, além das encostas das montanhas. Entretanto, não há perigo de tsunami.

    Tags:
    hospitais, feridos, terremoto, Ёsihide Suga, Kyushu, Kumamoto, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik