01:18 19 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Construção de ilhas artificiais chinesas no mar da China Meridional

    Pequim convoca diplomatas do G7 após declaração inoportuna sobre o Mar do Sul da China

    © AP Photo / Philippine Department of Foreign Affairs
    Mundo
    URL curta
    21293

    Pequim convocou representantes diplomáticos do Grupo dos Sete (G7) para expressar sua indignação após as potências terem manifestado "preocupação" com a situação nos Mares do Sul e do Leste da China.

    "A China convocou os enviados diplomáticos dos países relevantes", declarou Lu Kang, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, em declaração à imprensa.

    A medida é tomada em resposta ao seguinte anúncio feito em declaração conjunta pelos países do G7 reunidos em Hiroshima – a saber, EUA, Canadá, Reino Unido, França, Alemanha, Itália e Japão: "Estamos preocupados com a situação nos Mares do Leste e do Sul da China, e enfatizamos a importância fundamental da gestão e resolução pacífica de conflitos".

    As nações do G7 também pediram que "todos os Estados abstenham-se de ações tais como as reivindicações de terra" e "a construção de postos avançados (…) para fins militares". 

    Pequim construiu ilhas artificiais no mar do Sul da China. Em algumas delas, foram construídas pistas de até 3.000 metros de comprimento. Além disso, o país asiático também posicionou equipamentos militares na região.

    Embora o G7 não tenha citado explicitamente o nome da China, Pequim reivindica quase todo o Mar do Sul da China – que se acredita ser rico em petróleo e gás –, apesar das reivindicações conflitantes de Brunei, Malásia, Vietnã, Taiwan e Filipinas. O Japão também tem uma disputa com Pequim sobre a posse das ilhas Senkaku, no Mar do Leste da China.

    Além disso, Lu disse que "um alto funcionário de um dos países do G7 mencionou que a China precisa dar ouvidos à voz do G7". Ao que tudo indica, o comentário se refere a um representante do Japão.

    Mais:

    Japão promove no G7 a despedida das armas nucleares
    G7 quer a Rússia de volta
    EUA realizarão novos exercícios militares no mar do Sul da China
    Mídia: China envia caças ao Mar do Sul da China
    EUA incitam 'países da paz' contra mísseis de Pequim no Mar do Sul da China
    China implanta sistema de mísseis nas ilhas disputadas do mar do Sul da China
    Tags:
    militarização, diplomatas, convocação, conflito, reivindicações territoriais, disputa territorial, gás, petróleo, G7, Japão, Itália, Alemanha, França, Reino Unido, Canadá, EUA, Pequim, China, Mar da China Oriental, Mar do Sul da China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar