08:03 21 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Suspeito do ataque ao aeroporto de Bruxelas

    Suspeito de atentado admite sua presença no aeroporto de Bruxelas

    © REUTERS / CCTV/Belgian Federal Police/Files
    Mundo
    URL curta
    Explosões em Bruxelas (40)
    101

    Mohamed Abrini, suspeito de envolvimento nos ataques de Paris, em novembro do ano passado e preso pela polícia belga, admitiu ser o terceiro homem usando chapéu e acompanhando os terroristas no aeroporto de Bruxelas, no dia 22 de março.

    A informação, repassada pelo promotor federal belga, veio a público neste sábado.

    Abrini vem sendo ligado a Salah Abdeslam, suspeito de envolvimento nos ataques de Paris, e foi preso na Bélgica, em março. Imagens de câmeras de segurança captadas em um posto de combustíveis em novembro mostram os dois homens juntos em um carro que foi usado nos ataques.

    “Ele admitiu sua presença… Ele disse que havia atirado seu casaco em um latão de lixo e que vendeu seu chapéu”, relatou o jornal Le Soir, citando o depoimento do promotor.

    No fim de março, duas explosões suicidas no aeroporto de Bruxelas e outra em uma estação de metrô da cidade deixaram mais de 30 mortos e 300 feridos.

    Tema:
    Explosões em Bruxelas (40)

    Mais:

    Polícia: pelo menos 50 funcionários do aeroporto de Bruxelas apoiam Daesh
    Charlie Hebdo causa nova polêmica com charge sobre atentado de Bruxelas
    Conselho Europeu revela falhas de segurança na UE antes de ataques em Bruxelas
    Irmão de homem-bomba de Bruxelas quer disputar Jogos Olímpicos
    Tags:
    terroristas, terrorismo, aeroporto, ataque, suspeito, Salah Abdeslam, França, Paris, Bélgica, Bruxelas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar