04:11 21 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Petró Poroshenko, presidente de Ucrania

    Poroshenko possui 15 empresas offshore, além do império na confeitaria

    © REUTERS / Carlo Allegri

    Mundo
    URL curta
    Panama Papers (31)
    904

    O presidente ucraniano Pyotr Poroshenko tem ativos em 15 empresas para além do Roshen, em vários setores, incluindo a agricultura, mídia, indústria, escreve o jornal ucraniano “Zerkalo nedeli”.

    O jornal chama Poroshenko de beneficiário das empresas espalhadas por toda a Ucrânia. Segundo a edição, as empresas “não cedem nas suas dimensões ao negócio confeiteiro”. 

    “Em geral, Pyotr Poroshenko nunca soltou das mãos o seu negócio, promovendo os interesses do seu negócio, sendo deputado de quatro legislaturas, secretário do Conselho da Segurança e Defesa Nacional, ministro do Exterior e Ministro da Economia. Observando a sua carreira de funcionário público, não está claro como é que ele teve tempo para desenvolver as companhias e criar offshores”, diz-se no artigo.

    Segundo a mídia, o negócio pertence a Poroshenko através de uma empresa trust, o que significa que a chefia das empresas está entregue a uma terceira entidade, não tendo ele direito de influenciar a política das empresas. 

    Antes uma séria da mídia publicou os documentos vazados da empresa panamenha Mossack Fonseca, que testemunham a participação dos líderes mundiais e os seus próximos dos esquemas de offshore. A autenticidade dos documentos ainda não está confirmada. No entanto, ele pode romper o contrato após o mandato presidencial.

    Nas publicações também está mencionado o presidente ucraniano Pyotr Poroshenko, que organizou alegadamente uma empresa offshore em 2014 nas Ilhas Virgens. Poroshenko declarou que não tem nenhuma conta oculta e adicionou que ficaria contente com qualquer investigação sobre atividades relacionada com uma empresa offshore.

    Tema:
    Panama Papers (31)

    Mais:

    É oficial: Iniciado impeachment de Poroshenko
    Poroshenko se diz contra o corte de relações diplomáticas com a Rússia
    Poroshenko anunciou encontro com “maior produtor bélico” dos EUA e pediu ajuda militar
    Tags:
    empresa, negócio, Pyotr Poroshenko, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar