15:45 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Egyptair A320

    Avião de passageiros egípcio foi sequestrado

    © flickr.com/ Mike Smail
    Mundo
    URL curta
    506
    Nos siga no

    O avião de passageiros da Egyptair sequestrado durante o voo Alexandria-Cairo na terça-feira (29) já teria pousado no aeroporto cipriota de Larnaka, comunica a mídia estatal de Chipre.

    A bordo do avião Airbus 320 da companhia aérea Egyptair estão 81 passageiros. Segundo a mídia, a bordo da aeronave sequestrada estão oito cidadãos britânicos e dez norte-americanos.

    O nome do sequestrador é Ibrahim Samaha, egípcio, diz a televisão egípcia. 

    "O Airbus A-320 que transportava 81 passageiros e seguia de Alexandria para o Cairo, foi sequestrado. De acordo com o piloto, Omar al-Gammal, um passageiro disse que tinha um cinto de explosivos e obrigou a tripulação a pousar em Larnaka", indica um comunicado do Ministério da Aviação Civil egípcia.

    Segundo o portal de notícias libanês al-Balad, o desconhecido que sequestrou o avião ameaçou o piloto e passageiros que iria detonar um cinto de explosivos se as suas exigências não fossem cumpridas. O comandante da aeronave conseguiu comunicar aos controladores aéreos que o avião tinha sido sequestrado e ia seguir para Chipre. O sequestrador pediu ao piloto para voar a Istambul, mas o piloto recusou-se por causa da falta de combustível.

    Segundo a emissora estatal de Chipre, o sequestrador permitiu aos passageiros egípcios sair do avião da Egyptair, cerca de 20 passageiros saíram do avião.

    Mais tarde a companhia Egyptair notificou que o sequestrador está libertando todos os passageiros, excepto quatro estrangeiros e a tripulação.

    "As negociações com o sequestrador resultaram na libertação de todos os passageiros, exceto a tripulação e quatro estrangeiros", escreveu a companhia aérea Egyptair no seu Twitter.

    ​​O Aeroporto Internacional de Larnaca, Chipre está fechado; todos os voos são redirecionados para a cidade de Paphos e para os países vizinhos.

    Tags:
    sequestro, avião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar