19:38 07 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Caminhões russos na fronteira entre Bielorrússia e Lituânia

    Em boas mãos: Rússia e Irã desenvolvem logística de transporte de carga comercial

    © AFP 2019 / SERGEI GAPON
    Mundo
    URL curta
    3121
    Nos siga no

    O sistema de logística da entrega de cargas entre Rússia e Irã será mais transparente, rápido e de baixo custo.

    A corporação de transportes FESCO, em parceria com o ‘Porto Comercial e Marítimo Olya” irá lançar um serviço trans-cáspio para o transporte de mercadorias entre a Rússia e o Irã. A informação foi divulgada no site FESCO. 

    O serviço incluirá o transporte marítimo pelo Mar Cáspio, transporte ferroviário e/ou rodoviário pela Rússia, rodoviário pelo território iraniano, assim como permitirá a movimentação no portos ‘Olya’, ‘Nowshahr’, ‘Bandar-e Anzali’. O envio será composto de contêineres e cargas em geral. O tempo de trânsito estimado entre o porto russo de Olya e os portos iranianos é de cinco dias.  

    "A FESCO é a maior empresa de logística privada na Rússia, que lançou um serviço para o transporte intermodal de mercadorias entre a Rússia e o Irã pelo Mar Cáspio”, disse em entrevista à agência Sputnik a chefe do serviço de imprensa da FESCO, Maria Kobzeva. 

    “Na verdade, o transporte pelo Mar Cáspio entre os dois países já foi realizado no passado. Mas a inovação de nossos serviços é que este é o transporte intermodal, que envolve a entrega da carga do ponto A ao ponto B. Ou seja, o serviço inclui não só o transporte marítimo no Mar Cáspio, mas também o transporte ferroviário e rodoviário na Rússia, rodoviário no território do Irã, bem como a movimentação no porto russo de Olya e nos portos iranianos de Bandar Anzali e Nowshehr", afirmou Kobzeva. 

    Um lote de teste com contêineres de produtos industriais foi entregue ao Irã em 13 de março de 2016. O tempo total de viagem na rota São Petersburgo-Nowshehr de 3.800 km foi de 18 dias. A nova expedição, incluindo alimentos e produtos perecíveis de regiões da Rússia e do Irã, está prevista para o final de março-abril de 2016.

    "No futuro, esperamos que o serviço de linha seja organizado, envolvendo envio de navios com programação regular. Contamos com um aumento no volume de negócios”, informou a chefe do serviço de imprensa da corporação. 

    Segundo Kobzeva, o serviço está focado no transporte de metais ferrosos russos, madeira, produtos industriais de engenharia. Da parte do Irã, acontece o transporte de produtos alimentares, materiais de construção e produtos petroquímicos.

    Ela acrescentou que isto abre uma perspectiva de cooperação a longo prazo na área de logística entre Rússia e o Irã. 

    "Qual foi o pré-requisito para o lançamento do projeto? É nossa expectativa de que, em conexão com o levantamento das sanções contra o Irã, o poder de compra da população vai aumentar, a moeda estrangeira entrará no Irã, o que levará a um aumento no comércio do Irã com os parceiros externos, incluindo a Rússia. Isto será confirmado por nossas negociações com grandes empresas russas, que já declararam a sua disponibilidade para iniciar o abastecimento do mercado iraniano. Temos pedidos do Irã e clientes para o transporte de carga na Rússia", acrescentou. 

    "Devido ao fato de que o serviço é baseado no transporte marítimo, comparando com a rota terrestre, o tempo de trânsito é reduzido e aumenta a rentabilidade do transporte para os clientes", conclui a chefe do serviço de imprensa da FESCO.

    Mais:

    ‘Irã e Rússia podem normalizar situação no Oriente Médio’
    Rússia e Irã juntam-se para vencer a gripe
    Rússia e Irã no 'mais alto nível de cooperação política'
    Rússia e Irã finalmente assinam contrato de entrega de mísseis S-300
    Turquia provoca risco de guerra com participação do Irã e Rússia, adverte parlamentar
    Tags:
    mercadorias, acesso marítimo, transporte, Mar Cáspio, Irã, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar