23:03 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Militante do Daesh em Mosul, Iraque

    Daesh reivindica autoria de explosão suicida em estádio de futebol perto de Bagdá

    © REUTERS / Stringer/Files
    Mundo
    URL curta
    502
    Nos siga no

    O grupo terrorista Daesh, também conhecido como Estado Islâmico, reivindicou a autoria do atentado suicida que matou pelo menos 29 pessoas e deixou cerca de 70 feridas nesta sexta-feira (25) em um estádio de futebol próximo à capital iraquiana.

    Segundo fontes das forças de segurança do Iraque citadas pela AP, o grupo jihadista assumiu a responsabilidade pelo ataque logo após a explosão.

    O atentado ocorreu em um pequeno estádio da cidade de Iskandariyah, a cerca de 50 km de Bagdá.

    Autoridades médicas confirmaram o número de mortos.

    Anteriormente, o porta-voz do exército iraquiano, Yahya Rusoul, anunciou que as tropas iraquianas e os combatentes tribais sunitas haviam recapturado a cidade ocidental de Kubiesa, que estava sob o controle do Daesh. A ofensiva foi parte das operações destinadas a fazer os jihadistas recuarem da província de Anbar, de maioria sunita, depois que as forças do governo retomaram a capital provincial de Ramadi, em fevereiro.

    Mais:

    Forças iraquianas começam a liberar arredores de Bagdá do Daesh
    Bélgica junta-se à operação da coalizão internacional contra Daesh
    Daesh reivindica atentados em Bruxelas
    Tags:
    estádio, mortos, ataque terrorista, homem-bomba, atentado, explosão, futebol, Daesh, Estado Islâmico, Iskandariyah, Bagdá, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar