02:31 20 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Funcionários do Ministério de Emergências no local do acidente do voo FZ981, da FlyDubai

    EUA prometem ajuda à Rússia em inquérito sobre acidente da FlyDubai

    © REUTERS / Stringer
    Mundo
    URL curta
    1222

    O Órgão Nacional de Segurança no Transporte dos Estados Unidos (NTSB, na sigla em inglês) declarou, neste sábado, que ajudará a Rússia na investigação do acidente envolvendo um avião da FlyDubai na cidade russa de Rostov-no-Don.

    O Boeing 737-800 da FlyDubai se acidentou durante a aterrissagem no aeroporto de Rostov-no-Don, matando todas as 62 pessoas a bordo — a maioria, russas.

    O Comitê Investigativo da Rússia declarou que um inquérito criminal havia sido aberto para determinar a causa do acidente e se houve “violação das normas de segurança no transporte.”

    O comitê terá a participação de especialistas do Comitê de Aviação Interestadual (MAK), baseado em Moscou. O MAK, por sua vez, declarou que teria a colaboração de especialistas dos Emirados Árabes Unidos, dos EUA e da França.

    Investigadores já encontraram as duas caixas-pretas do voo e um dos gravadores de voz. O Comitê Investigativo apresentou três versões possíveis para a cauda da tragédia: falha técnica, condições climáticas severas e erro humano.

    Mais:

    Piloto do avião da FlyDubai não enviou sinal de emergência
    Avião da FlyDubai cai em Rostov-no-Don, não há sobreviventes
    Tags:
    acidente aéreo, caixa-preta, investigação, mortes, inquérito, ajuda, 737-800, FlyDubai, Rostov-no-Don, Rostov, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar