09:11 30 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    509
    Nos siga no

    Quarenta e cinco membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) foram mortos em ataques aéreos turcos no norte do Iraque na segunda-feira, disse o Estado-Maior turco em um comunicado na terça-feira (15).

    Os ataques contra 18 posições do PKK nas regiões iraquianas de Qandil e Gara envolveram nove jatos F-16 e dois F-4.

    "Durante a operação aérea em 14 de março no norte do Iraque, 45 membros da organização terrorista separatista foram mortos", diz a declaração.

    Dois depósitos de munições e duas peças antiaéreas também foram destruídos nos ataques.

    Os ataques aéreos ocorreram em retaliação pelo ataque terrorista de domingo em Ancara, que matou pelo menos 37 pessoas e feriu mais de 100. Na segunda-feira, a mídia turca informou que as autoridades acreditavam que dois suspeitos do atentado tinham ligações com o PKK, movimento que luta pela independência do Curdistão e é ilegal na Turquia.

    Mais:

    Governo do Curdistão: operação da Turquia contra curdos é um genocídio
    Putin condena atentado a bomba em Ancara
    Erdogan: Turquia tem direito de operar na Síria ou em qualquer outro lugar
    Tags:
    ataque aéreo, Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), Iraque, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar