10:46 21 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Partes do South Stream (Corrente do Sul) no local onde foi iniciada a construção do gasoduto, Sérvia, 11 de julho de 2014

    South Stream: sonho da Bulgária e pesadelo da União Europeia

    © AFP 2018 / ANDREJ ISAKOVIC
    Mundo
    URL curta
    6271

    As autoridade búlgaras planejam reiniciar as negociações sobre a construção do gasoduto South Stream (Corrente do Sul), disse o vice-ministro da Energia russo, Yury Sentyurin.

    “Os parceiros búlgaros estão se manifestando de forma ativa a favor de recomeçar as negociações sobre o South Stream. Pelo menos, o nosso ministério recebeu tais informações”, disse Sentyurin.

    No fim de 2014 Moscou anunciou o cancelamento do South Stream, que devia fornecer gás da Rússia para a Itália e Áustria através do Mar Negro e Bulgária, Sérvia, Hungria e Eslovênia.

    Vladimir Putin declarou que a Rússia não podia continuar a realizar o projeto, inclusive por causa da posição não construtiva da União Europeia. A razão principal desta decisão foram as divergências entre a Rússia e a União Europeia em relação ao pacote energético europeu que proíbe que empresas sejam proprietárias de linhas do gasoduto e vendam gás ao mesmo tempo. O chefe do gigante energético russo Gazprom, Aleksei Miller, confirmou na altura que o “projeto foi fechado”.

    Mais cedo, o presidente sérvio, Tomislav Nikolic, também expressou a esperança de que o projeto de South Stream seja realizado apesar de problemas existentes.

    No início do mês passado, o representante especial da Rússia na União Europeia, Vladimir Chizhov, disse que é possível que o projeto do gasoduto seja reiniciado.

    Tags:
    negociações, projeto, gasoduto, União Europeia, Bulgária, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik