00:42 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    411
    Nos siga no

    O chefe do Serviço Federal de Monitoramento Financeiro da Rússia (Rosfinmonitoring), Yuri Chikhanchin, que é responsável pela luta contra o financiamento do terrorismo, revelou o valor que custou organizar os atentados de Paris em 13 de novembro de 2015.

    “Eu posso dizer que os atentados de Paris, após falar com os meu colegas, custaram em torno de 2-3 mil euros no total”, disse o chefe da agência russa, citando os dados do Grupo de Ação Financeira Internacional. 

    Este agrupamento governamental visa prevenir e combater crimes de lavagem de dinheiro, financiamento do terrorismo e confiscar os lucros do crime, além de promover o aumento da cooperação internacional nestas esferas.  

    No início de 2016, a agência policial da União Europeia, Europol, divulgou um relatório afirmando que os ataques de Paris de 13 de novembro de 2015 – no qual 130 pessoas foram mortas e centenas ficaram feridas em uma série de tiroteios e atentados suicidas – parecem indicar uma mudança no sentido de uma estratégia mais ampla do Daesh em nível global, indicando possíveis ataques contra outros Estados-Membros da UE em um futuro próximo.

    Mais:

    Mais dois suspeitos dos atentados em Paris são detidos em Bruxelas
    Sobreviventes dos atentados de Paris tentam retribuir o 'herói esquecido do Bataclan'
    Homem belga é preso em Marrocos por envolvimento com terroristas dos atentados de Paris
    Le Point: Putin é o melhor amigo da França desde os atentados de Paris
    Tags:
    custo, terrorista, atentado, União Europeia, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar