06:25 17 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Campanha militar antiterrorista na Síria (132)
    11191
    Nos siga no

    Os militantes da Frente al-Nusra deixaram as suas posições a sudeste de Idlib depois de ataques de aviões russos e sírios, disse à Sputnik uma fonte local.

    “Os militantes que estavam em Abu al-Duhur, um subúrbio a sudeste de Idlib, deixaram as suas posições depois dos ataques realizados pela Força Aeroespacial russa e a aviação síria e devido a terem surgido divergências entre os vários grupos armados da região”, disse.

    Além disso, helicópteros da aviação síria continuam lançando folhetos em várias cidades e vilas sírias apelando aos militantes a largar as armas.

    Na quarta-feira, fontes locais disseram à Sputnik que tais folhetos foram lançados na província Deir ez-Zor. No domingo (6), os mesmos folhetos foram lançados nas cidades de Jabal Zawiya e Jisr Shughur, na província de Idlib.

    Os folhetos dizem: “É o momento da verdade. O mundo está mudando de forma rápida, o exército está avançando. Pense em si, o atraso pode lhe custar a vida. Renda-se, salve a sua vida e o seu futuro”.

    Em 22 de fevereiro foi publicada a declaração conjunta dos EUA e da Rússia sobre a Síria, sobre o cessar-fogo entre as tropas do governo sírio e os grupos armados da oposição a partir de 27 de fevereiro, sem o mesmo, no entanto, ser aplicado ao Daesh, Frente al-Nusra e outras organizações que a ONU considera como terroristas.

    Pouco antes de o cessar-fogo ter entrado em vigor, o Conselho de Segurança da ONU adotou a resolução 2268 sobre este acordo russo-americano.

    Tema:
    Campanha militar antiterrorista na Síria (132)
    Tags:
    posições, luta, trégua, aviação, Rússia, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar